Você acha que nunca está bom o suficiente?




Você já ouviu falar em crenças limitantes?

Crenças limitantes são opiniões e pensamentos que aceitamos como verdade. E por terem efeito negativo em nossas vidas, elas brecam a nossa capacidade de crescimento pessoal e profissional.

Essas crenças acabam prejudicando o nosso dia a dia porque se tornam verdades absolutas em nossas vidas. E por isso, muitas vezes deixamos para depois algumas atividades, adiamos a tomada de decisões importantes, desistimos facilmente de realizar algum sonho ou nem chegamos a tentar por conta destas crenças.

As crenças limitantes se caracterizam por terem cunho negativo, que nos leva a desacreditar da possibilidade de alcançar os nossos objetivos.

Todos nós precisamos dar conta de muitas atividades importantes no nosso dia a dia e essas tarefas estão ligadas ao nosso trabalho, aos cuidados com a nossa casa, à nossa família, filhos, animais de estimação. Por outro lado, também temos de pensar em nossa saúde física e mental, à resolução de problemas e à busca pelo nosso propósito de vida e realização pessoal. Tudo isso causa uma enxurrada de sentimentos e emoções, aflorando algumas destas crenças que se misturam dentro de nós, causando sensações boas e ruins.

Alguns estudiosos afirmam que as consequências da procrastinação crônica ou extrema podem ser sérias, como casamentos que acabam, pessoas que perdem oportunidades e até mesmo seus empregos e também, muitas vezes faz com que as pessoas se sintam como impostoras.

Algumas destas crenças favorecem os hábitos de procrastinação, pois agem silenciosas dentro da mente do procrastinador. É importante compreender estes fatores e buscar soluções para que sejam minimizados ou eliminados do seu dia a dia, proporcionando crescimento profissional e realização pessoal.

Neste artigo apresentaremos 3 crenças que levam a atitudes de procrastinar de forma silenciosa e trazendo muitos malefícios para o nosso rendimento profissional e pessoal. Em nosso E-book Procrastinação, você encontrará a “Espiral Negativa da Procrastinação” onde são apresentados os 9 fatores internos que contribuem para o hábito de procrastinar.

Ficou curioso? Então continue a leitura, pode ser que uma destas crenças está atrapalhando a sua vida, sem que você esteja consciente.

1. Crença de sentir-se pouco capaz de finalizar a tarefa

A crença da incapacidade é um estado emocional causado pela insegurança e sensação de inferioridade. Pessoas inseguras perdem diversas oportunidades de crescer em sua carreira justamente por acreditarem que não são boas o suficiente para realizar determinado trabalho.

As pessoas inseguras geralmente apresentam medo de arriscar, dificuldade para dizer não, incapacidade de reconhecer seus potenciais, excesso de perfeccionismo, complexo de inferioridade, procrastinação, tendência a sofrer muito com críticas, medo de rejeição.

O autoconhecimento é essencial para aumentar a autoconfiança e, consequentemente, diminuir o sentimento de incapacidade. Ao conhecer seus potenciais e seus pontos fracos, de modo a entender quem você é realmente, é possível começar a construir uma relação positiva com você mesmo.

2. Crença de não se sentir no controle da situação

Quando se fala em equilíbrio ou controle emocional, se está querendo referir a alguém que, apesar dos acontecimentos que lhe rodeiam e dos pensamentos sabotadores que surgem em sua mente, consegue manter uma postura razoável perante seus problemas, não deixando-se levar por impulsos, sentimentos ou emoções negativas.

Muitos associam a pessoa que tem controle emocional com alguém frio e calculista. Entretanto, é preciso desenvolver um olhar mais apurado sobre este tipo de indivíduo, pois, na verdade, trata-se de alguém que se conhece muito bem e tem plena consciência de seus sentimentos, emoções e da forma como reage e pode reagir a determinadas situações ao seu redor, principalmente aquelas que lhe trazem problemas.

Assim, é possível dizer que uma pessoa emocionalmente equilibrada é aquela que, ao invés de levar os problemas de casa para o trabalho e ficar angustiada, pensando neles o dia inteiro, deixando com que isso atrapalhe seu desempenho, consegue separar bem as situações e respira fundo, para continuar exercendo com excelência suas atividades profissionais, pois sabe que haverá o momento ideal para resolver o que precisa ser resolvido em casa.

Por mais que tentemos, em muitos momentos, é difícil nos mantermos equilibrados, principalmente no ambiente de trabalho. Digo isso, pois diversas situações e acontecimentos nos rodeiam, o que faz com que tenhamos que desenvolver um incrível jogo de cintura, para lidar com cada um deles e assim, atingirmos nossas metas e objetivos com maestria e excelência, mantendo sempre o controle da situação.

3. Crença de ter autocrítica acentuada

A autocrítica é importante para o crescimento profissional e pessoal, já que ela permite que você conheça os pontos que merecem ser melhorados. Porém, quando feita de maneira exagerada ela tende a lhe causar outros problemas, como o perfeccionismo.

E, como você deve saber, ninguém é 100% perfeito, pois somos humanos, logo não é justo cobrar esse tipo de comportamento de si mesmo. No entanto, existe uma certa dificuldade de se reconhecer a autocrítica exagerada, já que muitos encaram esse tipo de característica como algo positivo.

Outro grande indício que você sofre com a autocrítica demasiada é o hábito de se comparar as outros e se sentir culpado por situações e atos tomados. Além disso, se você não lida bem com as suas imperfeições e sempre encontra outras, pode ser que você esteja sofrendo com esse problema também.

Os pontos fortes sempre devem ser o seu maior foco já que, se eles forem aperfeiçoados você poderá ter muito mais sucesso e desenvolvimento pessoal. Isso porque é muito mais fácil se tornar melhor em algo que você já é bom do que acabar de uma vez por todas com um ponto fraco.

O grande problema das pessoas que sofrem com a autocrítica exagerada é que elas não esquecem e nem aprendem com os erros passados, pois ficam relembrando diariamente, o que torna o sofrimento ainda maior.

Quando você conhece os seus sentimentos, entende seus pontos fracos e fortes fica muito mais fácil acabar com a autocrítica exagerada.

Como as crenças são verdades absolutas, sem espaço para questionamentos, na maioria dos casos, as pessoas sequer pensam sobre a própria fala. Porém, a ideia para “quebrar” esses padrões é muito simples: se você acredita em possibilidades, isso é o que vai encontrar pelo caminho. Se você acredita em limitações, isso é o que você vai encontrar pelo caminho. Sendo assim, a escolha é só sua.

É comum ver pessoas deixando de fazer coisas que tanto querem ou desejam porque acreditam que nunca vão conseguir alcançar os resultados almejados. E, por conta da necessidade emocional de certeza, muitas vezes, é preferível acreditar que as nossas crenças são as corretas. Observe bem, a maioria das crenças estão relacionadas a: dinheiro, pessoas, oportunidades, aprendizado, capacidades, identidade, situações, tempo, vida, passado, presente, futuro.

Ressignificar é preciso

Um dos comandos cruciais para combater as crenças limitantes é o de ressignificar. Quando não conseguimos ressignificar as experiências ruins, as palavras negativas proferidas por pessoas que amamos e admiramos nos fazem criar bloqueios. E mais, alimentamos estereótipos, tratamos de maneira pejorativa algumas pessoas e acabamos agindo de forma pessimista em determinadas situações e nos tornamos procrastinadores crônicos.

Isso se dá, em partes, pela exposição repetida a comportamentos negativos que nos fazem introjetar em nossa personalidade outros comportamentos nocivos e, muitas vezes estendê-los a outras pessoas.


Uma forma de minimizar e eliminar os efeitos é procurar ajuda contra as crenças limitantes é apostar em uma Mentoria. A Mentoria trabalha aspectos individuais procurando a ressignificação das crenças e hábitos para a eliminação das crenças que impedem você de alcançar seu estado desejado, guiando para a adoção de métodos e hábitos eficazes para te tornar uma pessoa muito mais realizada pessoal e profissionalmente. Deste modo, e buscando sempre encontrar algo positivo, mesmo numa situação adversa, você é estimulado a eliminar suas crenças limitantes e focar em suas qualidades e possibilidades.

Não é porque alguém disse que você é incapaz que isso é verdadeiro. Não é porque um relacionamento não deu certo uma vez, que toda vez será igual. Não é porque tudo ainda não está como queria em sua carreira e vida pessoal, que você não vai conseguir. É muito importante ter esta consciência e buscar ser mais otimista em relação a si mesmo.

Ouse pensar e fazer diferente!

O mais importante, independente do momento em que você se encontra, é entender que existem obstáculos que estão travando o seu desenvolvimento e que podem ser superados através de um compromisso com você mesmo. É só querer!


Uma dica:

Assista ao vídeo abaixo, nesta live falamos como vencer as crenças limitantes.




6 visualizações

CONECTE-SE COM A GENTE

telegram.png
WATTS.png
FACEBOOK.png
INSTAGRAM.png
ICONES%20REDES%20SOCIAIS_edited.png
youtube-logo-icon-social-media-icon-png-

Por telefone ou online

(51) 99835.6341

(51) 99613.1914

EVOLUIR LTDA

CNPJ: 12.211.714/0001-28

Rio Grande do Sul, Brasil

Acesse aqui nossa Política de Compras Online.

Entre em contato conosco: