Adote um novo mindset, avalie o desempenho pela capacidade de entrega

Neste mundo em que vivemos, da Nova Economia, constantemente temos recebido o convite para criar um novo mindset, aqui compreendido como um "novo padrão mental", necessário para estes novos tempos de comportamentos característicos.



De acordo com Carol S. Dweck, uma das maiores especialistas do mundo em psicologia social e psicologia do desenvolvimento, o sucesso, nas mais diferentes áreas da vida, não está exclusivamente vinculado a um talento ou habilidade especial. Ele está, principalmente, relacionado ao resultado da maneira como encaramos a vida. O termo Mindset significa “modelo mental”. Que nada mais é do que a maneira como uma pessoa pensa. É a modelagem dos seus pensamentos, que desperta emoções e as formas de encarar a realidade.


No seu livro "Mindset: a nova psicologia do sucesso" a autora define, a partir de pesquisas, dois modelos mentais ou dois tipos de mindset: o fixo e o de desenvolvimento. O primeiro, seria caracterizado, segundo ela, pela crença da pessoa em compreender que suas características são imutáveis, quase como aquelas que vivem da síndrome de Gabriela: "eu nasci assim, eu cresci assim, eu vivi assim, eu sou mesmo assim, vou ser sempre assim."


Já, o outro tipo de mindset, o de crescimento, caracteriza-se, segundo Carol S. Dweck, pela capacidade que o indivíduo tem para superar as limitações enxergando os obstáculos como desafios e oportunidade de crescimento.


É justamente no mindset de crescimento que vamos desenvolver nossa capacidade de adaptação ao novo meio, à nova economia, compreendendo as adversidades aos atuais padrões como oportunidades para novas atitudes e novas formas de compreender os fatos e as coisas, na verdade, uma nova capacidade de compreender o Mundo.


Segundo Charles Robert Darwin, "o vencedor não será o mais forte, será aquele que melhor se adaptar". Parece-me que esta célebre frase está cada vez mais atualizada, compreendendo que a mudança da forma pela qual enxergamos e compreendemos o Mundo e nos preparamos, a cada dia, para a transformação da nova economia.


Em um vídeo curto no Youtube, falei sobre o último livro de Marketing de Philip Kotler, que propõe um confronto ao capitalismo, na concepção do modelo da antiga indústria. Neste livro, que está resumido no vídeo que publiquei, há a proposta de características para um novo capitalismo. Talvez você queira dar uma olhada no vídeo que te falo.



E, claro que todas as mudanças residem em nós, na nossa maneira de enxergar o Mundo e conduzir as coisas. Por isso, nesta semana iniciamos nossa trilha de posts das redes sociais abordando um pensamento disruptivo: o de avaliar o desempenho de uma pessoa pela sua capacidade de entrega e não pelo tempo que ocupou para fazer o seu trabalho. Isto faz uma diferença enorme na forma que você exerce a sua liderança, principalmente, ao lidar com gerações que estão recentemente se colocando no mercado de trabalho.

Avaliar, portanto, o desempenho pela entrega é um padrão mental para a nova economia. Se você consegue fazer a transposição daquela época em que a pontualidade do colaborador e sua obediência quanto às regras da empresa e uso de uniformes para esta em que necessita que possamos atribuir estrelinhas às entregas e ao alcance de resultados, você está exercitando um mindset de crescimento.


Faça combinados com cada colaborador da sua equipe para definir o que será entregue até o final da semana. É uma excelente maneira de você focar nas entregas e não ficar se preocupando e se ocupando com pormenores que não agregam efetivamente na performance da sua equipe, pelo contrário, reforçam uma cultura de forte hierarquia e, por vezes, inibem a criatividade e inovação. Exercer um comando e controle forte sobre sua equipe só vai fazer com que fiquem enquadrados dentro de uma caixa, aquela da cultura tradicional. E, você há de convir comigo que estamos indo justamente no sentido oposto, ou seja, querendo que as pessoas, os colaboradores e as empresas "saiam da caixa".


As entregas que forem combinadas, por sua vez, devem estar sempre direcionadas para o cliente. Não se preocupe em fazer com que sua equipe se ocupe com rotinas administrativas sem valor, que visam preencher sua agenda apenas. Selecione entregas que serão percebidas por seu cliente e, especialmente, sejam força motriz para a manutenção ou geração de novas fontes de dinheiro.


Seja a transformação do Mundo. Comece fazendo a transformação na gestão da sua empresa. Considero oportuna a leitura do nosso e-book "Transformação na Gestão 2021". Adquira ele e amplie sua percepção sobre as características que modelam esta Nova Economia. E, se você quer ser um líder de sucesso, sugiro assistir nossa série de lives disponível no nosso canal no Youtube, na Playlist "Liderança de sucesso".


Se você quiser receber nosso conteúdo, de forma gratuita, entre para o nosso grupo no Telegram.







Posts Em Destaque